Sentimentos permanecem com Alzheimer

Filme emocionante mostra a delicadeza do cuidar. Ao assisti-lo é impossível não refletir sobre o significado da perda da memória. Confesso que, desde o primeiro documentário educativo que fiz sobre Alzheimer nos idos de 1999 (se não me falhe a memória.... rs), tenho a sensação de que os sentimentos permanecem no coração e na mente de quem demencia. Quem garante que ao esquecermos com o progredir da doença, não guardamos o que sentimos ao longo da vida? Nem a ciência explica a causa da doença e, portanto, muito ainda a descobrir também sobre o que acontece em nosso cérebro, no corpo humano, na alma da gente.

Quando mais me envolvo com o universo do Alzheimer e conheço as histórias de familiares e de pacientes, mais respeito tenho pelo viver e pelo conviver. Convido a todos a assistirem sobre este filme (tem tradução na legenda). E será ótimo se puderem me enviar o que pensam, o que sentem, o que acham.... Podem acessar aqui pelo contato ou mandarem por email, direto, para o linamenezes@tudosobrealzheimer.com Obrigadaaa. bjs



0 visualização

"As informações e sugestões contidas neste site tem caráter meramente informativo. Elas não substituem consulta, aconselhamento e acompanhamento de médicos, psicólogos, nutricionistas, gerontólogos e outros profissionais especialistas.”

© 2019 by Tudo sobre Alzheimer - Faz Muito Bem  |  Termos de Uso e Privacidade